sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Halloween




Quando os celtas inventaram o Halloween, a tradição não mandava comer guloseimas nem se fantasiar de bruxa. O objetivo era celebrar o começo do inverno e homenagear os espíritos dos mortos. Na região da atual Irlanda, há aproximadamente 2 mil anos (data estimada pelos historiadores), os celtas comemoravam seu ano novo em 1º de novembro, data que também marcava o fim das estações quentes do ano. Eles acreditavam que, na véspera, chamada de “Samhain”, o mundo dos vivos e dos mortos se mesclava. A festa do “Samhain” incluía o sacrifício de animais e uma grande fogueira em homenagem aos mortos. O cristianismo é que teria injetado o ar “diabólico” ao Halloween, já que associava espíritos e fantasmas ao paganismo e ao mal.



*Origem do nome Halloween:

Para substituir a festa pagã do 'Samhain' por uma comemoração cristã, a igreja Católica determinou que o 1° de novembro seria o Dia de Todos os Santos (All Saint's Day), também chamado de All-hallows. A véspera, portanto, era chamada de All-Hallows-Eve, que depois virou Halloween.


*Gostosura ou travessura:

A festa se popularizou nos EUA com a chegada de um grande número de imigrantes irlandeses, no século XIX, e a ela foram agregadas diversas novidades. Uma delas é o uso de fantasias. Já que os celtas acreditavam que, na noite de 31 de outubro, os espíritos dos mortos vagavam junto a fadas, bruxas e demônios, estes acabaram sendo os temas mais comuns dos disfarces de Halloween. A tradição de 'gostosura ou travessura' também pode ser creditada aos celtas, que costumavam oferecer comida aos espíritos do Halloween para indicar-lhes o caminho das casas de suas famílias.


Curiosidade:
Em 2005 foi criado pelo governo brasileiro, o Dia do Saci, também comemorado no dia 31/10, com a finalidade de explorar mais a cultura do país.



Um comentário:

Olívia *OLY* disse...

Parabéns pelo seu dia mana!!!
heheh brinks... adorei esta nova fachada... bjs